É um estudo fascinante! Boa Leitura! ENCONTRE seu assunto preferido em " MARCADORES" na lateral dir

É um estudo fascinante! Boa Leitura! ENCONTRE seu assunto preferido em " MARCADORES" na lateral dir
Informações: helofontoura@hotmail.com

sábado, 19 de junho de 2010

13 - pH E AS DOENÇAS - ACIDOSE - ALCALINIZAR - OXIGENAR - ALIMENTOS ALCALINOS


 por helofontoura |

Sangue ácido, sangue com toxinas, sangue com químicas e metais pesados, sangue com micro organismos patogênicos  = doenças – Veja a importância de limpar seu sangue com o GFU - ELETROTERAPIA

Mais informações: helofontoura@hotmail.com

Assuntos deste tópico
- O corpo acaba "emprestando" esses minerais de órgãos vitais e dos ossos para neutralizar o excesso de acidez.
- Deficiência de minerais causa a falta de oxigênio nas células
- PH na alimentação
- Alimentos acidificantes
- Alimentos alcalinizantes
- Sais minerais
-Importância da nutrição mineral para a saúde e a prevenção de doenças - Dr. Marcio Bontempo
- Como abaixamos nosso pH
- Emoções e Sentimentos ácidos e alcalinos
- A Acidose pode causar os seguintes problemas:
- O pH e as doenças
- A água é o melhor solvente que existe
- O QUE DIZEM OUTROS ESPECIALISTAS
- Hiperacidez tóxica
- Bioquímica DEL ORGANISMO
- Células
- Dicas
- Alimentos
O sangue de uma pessoa sadia tem o pH de 7,4 e contém muita água.( Veja em seu galão de água o Ph da água que você está tomando)

O PH do sangue deve estar sempre levemente alcalino, pois os vírus, as bactérias, fungos e parasitas só sobrevivem em meio ácido.
 
PARASITAS VIVEM  em meio ácido, para sobreviverem e se proliferarem ACIDIFICAM SEU SANGUE.


Fique atento: esses micro organismos além de depositarem no corpo os resíduos tóxicos eles se alimentam de nossas vitaminas e minerais.

 - Oxigenando nosso sangue, RETIRANDO TOXINAS E METAIS PESADOS automaticamente teremos de volta a força vital e  o equilíbrio do sistema imunológico e dos nossos órgãos.
 
 como o usar o GFU vai ajudar:
- Com a eliminação dos metais pesados, das toxinas e químicas favorece a oxigenação celular e com um sangue limpo e oxigenado  as formas vivas que enfraquecem o Ser não encontram habitat para se desenvolverem e morrem. 

Após a primeira fase de 3 meses do tratamento passe a prestar mais atenção na sua alimentação. O SEU CORPO COMEÇA A VOLTAR A DAR OS AVISOS - evitando alimentos ácido. Um corpo limpo não gosta de colocar sujeiras dentro dele.
 
Estando o pH do sangue abaixo de 7,4, estamos propensos a todos os tipos de doenças: Câncer, artrite, diabetes, doenças do coração, fadiga crônica, alergias além de doenças causadas por vírus, bactérias e fungos.

Dos fatores que causam a diminuição do oxigênio nas células, a deficiência de minerais é o mais grave e  o mais negligenciado nos dias de hoje.
  
Por esse motivo é que vemos a alta incidência de câncer; o pH de um tecido cancerígeno é em torno de pH – 4,5 , pobre em oxigênio. O GFU ajuda na oxigenação das células.
 
  Para doenças consideradas crônicas ou incuráveis o sucesso é alcançado com um tratamento SEM INTERRUPÇÕES. 

Entendendo o que é o pH e sua importância para o perfeito funcionamento do organismo.


Definição : pH (potencial de Hidrogênio) é a medida da acidez ou alcalinidade de uma solução- a relação entre íons positivamente carregados (acidificantes) e íons negativamente carregados (alcalinizantes).

Quanto maior o índice do pH, mais alcalino e mais rico em Oxigênio o fluido é. Quanto menor o pH, mais ácido e pobre em Oxigênio é o fluído. O pH varia de 0 a 14, sendo 7 o índice de neutralidade. Tudo acima de 7 é alcalino, e abaixo de 7 é considerado ácido.

O pH do plasma sanguíneo

O sangue de uma pessoa sadia deve ser levemente alcalino (7,35 - 7,45)
Se o pH do sangue se move para baixo de 6,8 ou acima de 7,8 o corpo tem que fazer um esforço para equilibrar o pH.


Esse esforço que o corpo faz para alcançar o equilíbrio tornando o pH alcalino pode debilitar o corpo de substancias minerais alcalinas como sódio, potássio, magnésio e cálcio, pois o corpo acaba "emprestando" esses minerais de órgãos vitais e dos ossos para neutralizar o excesso de acidez. Com o tempo, se essa acidez não for tratada, a pessoa tende a ter doenças crônicas e degenerativas.

PH na alimentação
Cuidados com o pH da alimentação

Todos os alimentos que ingerimos, através do processo da digestão, são degradados em partículas (nutrientes) e através da corrente sanguínea são levadas para todas as células do corpo.

Os alimentos, depois de digeridos, podem dar origem a álcalis ou ácidos. O sangue tem pH que varia de 7,35 a 7,40. Faixa de pH que indica alcalinidade. É nessa faixa que ele mantém o equilíbrio para desenvolver bem sua função (transportar os nutrientes).
 
Qualquer mudança mais para a alcalinidade ou mais para a acidez afeta o metabolismo e o funcionamento de todo o organismo. Vamos nos cuidar e focar no equilíbrio.
 
Conclui-se, portanto, que, se os alimentos consumidos contribuírem para manter o pH alcalino do sangue e se o sangue estiver limpo e oxigenado este desempenhará perfeitamente suas funções (entregar nutrientes para todas as células), sem acarretar desequilíbrio no metabolismo.

Em contrapartida, se os alimentos consumidos contribuírem para acidificar o sangue, haverá necessidade de UM ESFORÇO DO NOSSO CORPO  para se adaptar e cumprir sua função. 

Essa adaptação, chamada de homeostase, exige maior gasto de energia pelo organismo, alteração do metabolismo e, conseqüentemente, gera estresse.
 
Alimentos acidificantes: Pão branco, carne, peixe, ovos, alimentos gordurosos, queijos amarelos, açúcar, churrascos, frituras, bebidas alcoólicas, café, refrigerantes, doces, sorvetes, embutidos, enlatados e todos os alimentos que contém químicas em sua composição.
 
Alimentos alcalinizantes: Vegetais em geral (frutas e verduras), leguminosas, frutas secas, oleaginosas (castanhas, nozes), atentem aos fungos , leite e iogurte desnatados, queijos magros.
 
  Que alimentos e atitudes alcalinizam o sangue?

Os sais minerais são os mais potentes modificadores do pH dos nossos líquidos corporais, funcionando como instrumentos de manutenção da saúde celular, alcalinizando ou acidificando, conforme a necessidade do organismo.

Cálcio, zinco, ferro, magnésio, sódio, potássio e manganês na quantidade correta são fortes alcalinizantes e atuam como elementos energizantes e neutralizadores.

Fósforo, enxofre, cloro, iodo, bromo, flúor, cobre e sílica são poderosos agentes acidificantes. Todos eles são necessários à saúde humana, mas precisam estar em equilíbrio e quantidades corretas para que o pH resultante seja, como vimos, levemente alcalino.
 
-Importância da nutrição mineral para a saúde e a prevenção de doenças - Dr. Marcio Bontempo


- Podemos ligar todas as doenças e todas as disfunções do organismo a uma deficiência mineral. (Dr. Linus Pauling)

- Podemos dizer que os minerais são os elementos mais importantes para o organismo, pois estão na base e na estrutura dos macronutrientes, como proteínas, gorduras, carboidratos e vitaminas que, sem eles não teriam função alguma.

- Pensamos muito em reposição de nutrientes, como proteínas, aminoácidos, vitaminas, mas não prestamos a devida atenção aos minerais, a não ser o ferro e o cálcio em situações especiais, como nas anemias e na osteoporose.

- Embora os minerais representem uma pequena parte do peso do corpo humano, são imprescindíveis para todas as reações químicas, com ênfase no processo de geração de energia a partir dos carboidratos, gorduras e proteínas, participando ativamente no crescimento, na manutenção da homeostase e na regulação de todos os processos orgânicos, atuando no âmago de todas as funções celulares.

- Dos cerca de 95 elementos químicos presentes na Tabela Periódica, há cerca de 50 nos tecidos e fluídos do organismo humano. Quatro desses elementos - carbono, oxigênio, hidrogênio e nitrogênio – representam por volta de 95% do peso total do corpo humano; o restante é constituído de minerais essenciais (4%), não essenciais (1%) e tóxicos, segundo a seguinte descrição:


Elementos constituintes – Carbono, hidrogênio, oxigênio e nitrogênio.

Macroelementos essenciais – Cálcio, fósforo, potássio, enxofre, sódio, cloro, magnésio, silício.

Microminerais ou oligoelementos – Ferro, zinco, cobre, manganês, iodo, molibidênio, cromo, selênio e cobalto.

Microminerais, ou oligoelementos possivelmente essenciais-Estrôncio, rubídio, vanádio, estanho, níquel, lítio, boro, germânio.

Minerais tóxicos – Alumínio, arsênico, bário, cádmio, chumbo, mercúrio e níquel.

Resumindo: Estando o pH equilibrado, o corpo também estará em equilíbrio e o sangue praticará sua função com naturalidade


"Todas as doenças são meramente o ponto-final de uma progressiva saturação ácida”.


- Sintomas da hiperacidez: São em geral sinais de desgaste e da descompensação corporal.

- Muitas vezes as pessoas não entendem por que alguns tratamentos não dão resultados. A causa básica fundamental é porque há excessiva acidez corporal, gerando diminuição na resposta vital orgânica. O uso da Eletroterapia limpando a acidez corporal colabora com todos os tratamentos. 

TRATAMENTOS COM MEDICAMENTOS AUMENTAM  A ACIDEZ - saindo bastante na mídia sobre. 


Florais, Acupuntura, Massagem, Shiatzu, Yoga, entre tantas outras opções ajudam e MUITO. Mas....não eliminam os metais e os micro organismos que causam a acidez. O GFU FAZ ESSA PARTE. Várias pessoas comentam: Mas já fiz de tudo !!!! Sim e tem muita coisa boa. Mas o tempo me ensinou que primeiro limpamos o organismo e aí a energia vai funcionar e fluir corretamente. 

  - O equilíbrio ácido-básico é fundamental para a saúde.

A hiperacidez é provocada por uma  alimentação incorreta, consumo de água ácida, estresse emocional, sobrecarga tóxica causada por agentes externos e internos como os parasitas, reações imunológicas ou qualquer processo que prive as células de oxigênio e outros nutrientes.

 O corpo tenta compensar a hiperacidez utilizando minerais alcalinos, como já colocado acima. É indicada uma suplementação dos minerais de forma natural por oligoelementos. http://mineraisnaturais.blogspot.com/

Com a diminuição destes minerais ( das nossas reservas) o corpo enfraquece e perde energia vital.


Como abaixamos nosso pH
Um pH ácido pode ocorrer devido a uma dieta acidificante, estresse emocional, sobrecarga de toxinas dos alimentos, do ar dos produtos de limpeza e os produtos pessoais ( vale ler os rótulos e os ingredientes dos produtos que vc. coloca no seu corpo - shampoo- condicionadores, desodorantes em spray, perfumes, tintas de cabelo...), parasitas, fungos, bactérias, metais pesados e/ou reações do sistema imunológico ou qualquer processo que dificulte as células de absorverem oxigênio ou outros nutrientes.


A maioria dos alimentos processados são acidificantes. Para prevenir e colaborar com a cura de qualquer doença se faz necessário evitar os alimentos processados, doces ou carboidratos simples, não apenas porque eles são acidificantes. São também pobres em nutrientes, elevam o índice de açúcar no sangue e estão carregados de elementos tóxicos conservantes, corantes...  itens sobre: nos livros da Hulda, no livro do Dr Marcio Bontempo, Sonia Hirsch. Deepak Chopra, Jenifer Harper, Medicina natural - Reader´s Digest entre tantos outros.


Muitas doenças são causadas pela acidose. O estilo de vida atual, correria, estresse, alimentos acidificantes, contato com eletromagnéticos, poluentes químicos entre outras toxidades promovem a acidificação do sangue.

 Assim, o estresse tende a acidificar o sangue, e a acidez do sangue é um fator negativo, porque provoca mais estresse. Pronto! Instalou-se um círculo vicioso negativo: estresse gera mais estresse.

Semelhantes aos minerais, as emoções, os sentimentos, a agitação mental e física também têm potencial para alcalinizar ou acidificar partes do organismo em questão de frações de segundos.
 
Uma das colocações mais comum das pessoas que acompanhamos é: Estou  dormindo melhor, me sinto mais tranqüilo, dores nas costas acabaram isso me deixa menos estressado, não me sinto mais tão irritada e impulsiva…uma das usuárias que nos chamou: Após 4 sessões completas (menos de 1 mês de uso) ela ligou e contou que tomava remédio para dormir há 11 anos e sempre depressiva. Toda feliz contou que estava acordando cedo, toda animada, foi ao médico e ele retirou o medicamento e ela estava ótima.
 
Um organismo acidificado tende a manifestar sentimentos, emoções e reações "ácidas". A raiva, inveja, ansiedade, ciúme, excesso de julgamentos e críticas, exercícios físicos obsessivos, competições, calor em excesso, desidratação, etc. que induzem à acidificação do organismo em questão de segundos. Ação e reação
 
Ao contrário, é comum ao organismo devidamente alcalinizado compartilhar frequências, sentimentos e emoções prazerosos. Afetuosidade, compaixão e compreensão são estados típicos de um corpo em harmonia metabólica, sereno e pacífico. Assim, o estado meditativo ou de oração, a vivência do amor, bom humor, do belo, do positivismo, da verdade e do prazer de estar vivo podem ser considerados "alimentos" de grande potencial alcalinizante. Estas emoções, por sua vez, alcalinizam o sangue. Pronto! Instalou-se um círculo vicioso positivo.

Pronto! Instalou-se um círculo vicioso positivo. É uma mudança total na vida da pessoa.  O retorno da vontade de viver. 

Em resumo, estando o pH do sangue abaixo da normalidade 7,4, o organismo está propenso a todos os tipos de doenças do coração, fadiga crônica, alergias além de todas as doenças causadas por vírus, bactérias e fungos. Observe novamente a importância de focar no pH

A Acidose pode causar os seguintes problemas: Interessante que é uma lista bem semelhante a encontrada nos sintomas causados pelos parasitas nos livros da Hulda, do Mc Kenna, da Sonia Hirsch, Dr. Barcellos entre tantos outros profissionais da área da saúde.

Dano cardiovascular.
Ganho de peso, obesidade e diabetes.
Problemas da bexiga.
Pedras nos rins.
Deficiência imunológica.
Aceleração do dano por radicais livres.
Problemas hormonais.
Envelhecimento prematuro.
Osteoporose e dor nas juntas.
Dores musculares e aumento do ácido lático.
Baixa energia e fadiga crônica.Digestão e eliminação lentas.
Aumento de fermentações e fungos.
Falta de energia, fadiga.
Baixa temperatura corporal.
Tendência a contrair infecções.
Perda de iniciativa, prazer, e entusiasmo.
Tendências depressivas.
Exaustão rápida.
Compleição pálida.
Dores de cabeça.
Inflamação da córnea e pálpebras.Amolecimento e dores nos dentes.
Gengivas sensíveis, inflamadas.
Úlceras estomacais e da boca.
Fissuras no canto dos lábios.
Excesso de ácidos no estômago.
Gastrite.
Unhas finas e quebradiças.
Cabelos secos, quebradiços e queda.
Pele seca.
Irritação da pele.
Câimbras nas pernas, entre outros considerados psicológicos como: depressão, síndromes, insônia, ansiedade, etc .

- A maioria das crianças apresentava um pH 7,5.
(Atualmente com a alimentação e uso de tantos tóxicos, um exemplo bem simples são os corantes encontrados em quase todos os alimentos infantis e nos sabonetes, pasta de dente, xampus etc.) a grande maioria se encontra com vários sintomas e doenças como excesso de peso, diabetes, hiper atividade e desordens emocionais.


- Mais da metade dos adultos tem um pH  baixo, refletindo o acúmulo de dejetos tóxicos ácidos, excessiva ingestão de água ácida, deficiência de minerais alcalinos, decorrentes do envelhecimento e do estilo de vida sem qualidade.

A preocupação da medicina preventiva com o equilíbrio do pH surgiu a partir do trabalho do médico americano William Howard Hay.

Seguindo a trilha aberta pelo dr. Hay, outro médico norte-americano, o dr. Theodore A. Baroody, publicou o livro Alkalize or Die (Alcalinize ou morra), no qual reafirma a teoria de seu colega. "Os incontáveis nomes de doenças realmente não importam. O que realmente importa é que elas todas vêm da mesma causa-raiz: excesso de resíduos ácidos no organismo", diz.

O pH e as doenças
Câncer:A maior parte das pessoas acometidas de câncer apresenta um pH no tecido de 4,5. Esse ambiente é pobre em oxigênio e muito propício para instalação de câncer. Dr. Otto Warburg da Alemanha duas vezes laureado, ganhou o seu primeiro prêmio Nobel pela descoberta de que o câncer se desenvolve em ambiente de menor quantidade de oxigênio e esse ambiente é criado quando o pH é baixo.

Doenças do coração: Quando o pH do sangue está baixo, as gorduras são aderidas às paredes das artérias causando doenças do coração.

As doenças causadas pela tireoide é resultado da deficiência do mineral iodo e esse elemento só é absorvido pelo organismo quando está com o pH ideal. ALGUMAS PESSOAS ACREDITAM QUE SE FICAREM INGERINDO IODO QUE O PROBLEMA DESAPARECE .... Mas se o corpo não estiver com seu pH OK e as células captando nutrientes ... esse iodo não será aproveitado.


Por isso, na sociedade atual é freqüente encontrar pessoas com doenças da tireoide, porque atualmente são valorizados os alimentos que proporcionam ao organismo um ambiente de pH baixo.

-Todas as doenças degenerativas estão associadas com a hiperacidez corporal. Todas as formas de artrite estão associadas com o excesso de acidez. A hiperacidez compromete a calcificação de dentes e ossos. 


A água é o melhor solvente que existe, sendo que o pH é determinado através de uma escala universal graduada de 0 a 14, sendo 7 o ponto correspondente a neutralidade. Portanto, quando a água tem um pH inferior a 7, diz-se que é ácida, se é igual a 7, diz-se que é neutra e se é superior a 7, diz-se que a água é alcalina. Portanto, é importante saber que em condições de saúde o líquido intracelular e extracelular apresentam um pH que oscila entre 7,35 a 7,45, ou seja, levemente alcalino. Nosso organismo tende a alcalinidade, sendo que água saudável deve ser água alcalina. 
 
HIPERACIDEZ CORPORAL – A CAUSA DE MUITAS DOENÇAS:

O pH do sangue humano está inteiramente relacionado à saúde. Uma pequena variação do pH reduz o sistema imunológico, dando oportunidade para que seres vivos prejudiciais à saúde, como vírus, bactérias, fungos que vivem em meios ácidos, com pH abaixo de 7,0, proliferem e encontrem ambiente propício para viver.

Quando o pH do sangue está baixo, as gorduras são aderidas às paredes das artérias causando doenças do coração.

 No livro da Hulda e do McKenna é muito bem colocada essa situação ph baixo = doenças 
 Observe novamente a importância do tratamento e o focar no pH 

MUITO IMPORTANTE ENTENDER ISSO:
O nosso corpo tenta a todo custo manter o pH sanguíneo com o valor de 7,4, extraindo minerais do organismo para manter o pH alcalino quando não é suprido pelos alimentos. Relendo: Extrai minerais do organismo para manter o pH

O consumo indiscriminado de açúcar produz pH ácido.

A água para ser de boa qualidade e boa para a saúde tem de ter um pH entre 7,0 e 7,5.

Um pH levemente alcalino do sangue aumenta a oxigenação das células e a imunidade, uma vez que, vírus e bactérias precisam de um meio ácido para sobreviver. Assim como o fogo precisa de oxigênio para existir, os vírus e bactérias necessitam de um meio ácido para se manterem vivos.

Conclusão: Quando o pH do sangue está abaixo do normal, o organismo está propenso a qualquer tipo de doença. A sua água precisa ter o sabor da saúde! Fonte: Geólogo Sólon Barrozo Barreto.
 
O QUE DIZEM OUTROS ESPECIALISTAS:

O organismo tem que preservar a alcalinidade do sangue para poder manter-se saudável.

O pH de uma pessoa saudável está na faixa de 7.1 a 7.5, portanto alcalino.

A hiperacidez precede e provoca a doença.
 
O corpo sucumbe à desordem física quando seus próprios dejetos tóxicos ácidos se acumulam até o ponto onde a resistência orgânica é vencida e o corpo torna-se susceptível às doenças degenerativas.

"Todas as doenças são meramente o ponto-final de uma progressiva saturação ácida”.

Sintomas da hiperacidez: fadiga, alterações da concentração, dores musculares, articulares e neurites, cálculos renais e biliares, assim como acidez digestiva. São em geral sinais de desgaste e da descompensação corporal.

Muitas vezes as pessoas não entendem por que alguns tratamentos não dão resultados? A causa básica fundamental é porque há excessiva acidez corporal, gerando diminuição na resposta vital orgânica.


Pacientes com câncer apresentam um pH 4,5, especialmente quando em estado terminal. O câncer não sobrevive em um ambiente alcalino. As células de câncer são ácidas enquanto as células saudáveis são alcalinas.

Segundo os pesquisadores japoneses, dejetos tóxicos ácidos que se compactam, convertem-se em colesterol, ácidos graxos, ácido úrico, pedras nos rins, uratos, fosfatos, sulfatos, produzindo um grande número de enfermidades. Com isso, geram obstrução no sistema circulatório, provocando circulação sanguínea deficiente, incapaz de realizar a suficiente perfusão sanguínea nos diversos órgãos.
 
Mary C. Hogle afirma em seu livro: Comidas que alcalinizam e curam:
 
 “Quando o corpo chega aos limites de tolerância em termos de hiperacidez tóxica, tanto o sistema digestivo como os outros tecidos iniciam um processo de limpeza que pode assumir diversas formas: diarreia, dores de cabeça, gripes, erupções cutâneas, abscessos, furúnculos, reumatismo, inflamações de diversos órgãos, catarata, febre e outros sintomas identificados em sua grande maioria com doenças agudas.

Porém isto tem uma causa única: A HIPERACIDEZ”. As vitaminas, minerais e oligoelementos ingeridos não são úteis se há um excesso de resíduos ácidos no corpo. " De novo a importância do uso do GFU que abre o caminho para que as células utilizem os nutrientes.

Atualmente temos muitas literaturas que falam sobre, comprovam essa realidade que Dra. Hulda descreve com tanta clareza em seus estudos e coloca em seus livros.


Pois bem, segundo os especialistas japoneses, a oxigenação assume um papel fundamental na neutralização da hiperacidez, tendo ainda a vantagem sobre outros métodos naturais, pois não gera nenhum tipo de acidificação, que ocorre em diversas dietas.
 
A água ácida possui um número maior de íons de hidrogênio (H+) que de hidróxido (OH-), ao contrário, a água alcalina tem mais íons de hidróxido do que de hidrogênio, sendo que possui mais átomos de oxigênio.

A água rica em oxigênio é um elemento importante para todas as reações celulares. Vale conhecer o P10 - Peróxido de Hidrogênio do Professor Antunes e tomar após 1 mês de uso do GFU.
- http://mineraisnaturais.blogspot.com.br/2011/09/56.html

Os alimentos industrializados apresentam-se extremamente ácidos. Alimentos ácidos geram vícios, levando a comer em excesso e a problemas de obesidade.

Interessante essa colocação, pois com o tratamento com o GFU a pessoa fala que emagrece, na realidade ela desincha e perde a necessidade de comer os alimentos acidificantes.

Na maioria dos casos as pessoas comem compulsivamente
porque tem sede, porque suas células estão desidratadas, mas por um equívoco, a pessoa interpreta como fome, e fica claro que comer não pode saciar a sede, pelo contrário, gera mais necessidade de água.

As pessoas precisam de bons alimentos: integral e alcalino. Precisamos comer alimentos alcalinos e integrais para reverter os efeitos de muitos anos de alimentação inadequada. E infelizmente a maioria das pessoas não possui a determinação para suplantar seus maus hábitos alimentares

Sobre essa colocação penso um pouco diferente…a pessoa quer sim melhorar,mas toda mudança requer energia. 
E uma pessoa intoxicada ela tem fadiga, cansaço e falta da força da vontade.

 Com a eliminação dos "hóspedes - invasores" ela vai readquirir sua energia, sua força, seu ânimo. Quando coloco que parece que as pecinhas vão se encaixando…uma dela é essa.

Quando se faz a radiestesia de uma casa, retirando tudo o que não é dela (energias telúrica, de memória, emocionais, de doenças, brigas etc.) a
energia fica equilibrada e os moradores passam a ter mais clareza do que realmente pertence a eles. 

 O tratamento com  o Gerador de Frequências promove uma limpeza do seu físico – sua primeira morada.

Os micro organismos solicitam esses alimentos acidificantes. Elimine-os e verá como tudo fica mais fácil.

Se o pH do seu corpo não estiver alcalino, você não conseguirá assimilar efetivamente as vitaminas, minerais e suplementos alimentares.
O pH do seu corpo afeta tudo. 


O corpo tem que ter um pH equilibrado como a maioria dos seres vivos na terra ou não funcionará corretamente.


Dr. Otto Warburg, médico ganhador de dois prêmios Nobel, demonstrou que o câncer é anaeróbico, ou seja, que só se desenvolve na ausência de oxigênio.

 Demonstrou que ele tem dificuldades em se desenvolver em ambiente com pH alcalino, repleto de oxigênio. Warburg explica que a carência de oxigênio impede de completar adequadamente o processo de metabolismo celular, impossibilitando a criação de células saudáveis.

Com essas condições, o sistema imune se desestrutura, comprometendo a capacidade do corpo reagir aos ataques das células anormais.

Se a carência de oxigênio permanecer crônica, o sistema imune vai se esgotando mais, favorecendo o surgimento de enfermidades, modificando o pH corporal que se torna mais ácido.

Uma das funções do tratamento com a Eletroterapia GFU: fortalecer o sistema imunológico. 

 
Saúde pela Alimentação
La definición de salud óptima no es simplemente la ausencia de enfermedad, sino un estado natural de energía, vitalidad, y sobre todo armonía con nosotros mismos y con la vida.
 
Cuando una persona alcanza su estado óptimo de salud, instintivamente sabe cómo comportarse para preservarlo. 

O corpo é sábio, sabe o que é bom e gosta de se sentir bem, se isso não vem acontecendo e você tem sentido vontade de comer alimentos impróprios ao seu corpo.
Pare, reflita um pouco.
 Se seu corpo é sábio por que essas vontades?

 Dra. Hulda após anos de pesquisa identificou que as bactérias, vírus, fungos, parasitas etc. é que nos dão essas vontades.
Elas precisam de nosso pH baixo. Para elas é fantástico estarmos e estresse, depressão, dormirmos mal….para esses micro organismos isto é : tudo de bom!!!

Esto hace que la persona opte voluntariamente por una alimentación y unos hábitos de vida sanos.
Nutrición ortomolecular significa proporcionarle a las células los nutrientes adecuados para que éstas funcionen lo mejor posible. Para entender mejor su importancia es necesario hacer un breve y sencillo repaso de bioquímica.
 
BIOQUíMICA DEL ORGANISMO
El Ser Humano está compuesto de unos elementos básicos: oxígeno, carbono, hidrógeno, nitrógeno y minerales. Es la determinada combinación de éstos, lo que forma los materiales "base" de cada una de las células del organismo y lo que le proporciona su característica de Ser Humano.
Por ejemplo, la combinación de:
Oxígeno + hidrógeno = Agua
Hidrógeno + carbono + oxígeno = Carbohidratos
Hidrógeno + carbono + oxígeno (en menor cantidad que los carbohidratos) = Grasa
Hidrógeno + carbono + oxígeno + nitrógeno = Proteínas
Ciertos minerales como el fósforo y el sulfuro también forman parte de algunas proteínas.
La frase "somos lo que comemos y lo que absorbemos" no podría ser más cierta
 
Células
La membrana exterior de la célula está compuesta principalmente de grasas y proteínas;
en el interior de la célula se encuentra un líquido (citosol o fluído intracelular) compuesto primordialmente de agua, pero también de proteínas, carbohidratos y grasas;
el núcleo, que contiene los genes y controla la actividad celular, contiene principalmente proteínas… Sin embargo, el hecho de juntar todos estos compuestos no crea un Ser Humano.
 
 Para que esto ocurra hace falta energía y ésta se fabrica en el interior de las células (en la mitocondria) gracias a unas enzimas que para ser activadas dependen, a su vez, de vitaminas.
 
Esta energía es la que pone en funcionamiento la célula. Para que el cuerpo disfrute de una salud óptima, las células que lo forman deben estar sanas. Onde com essa explicação bem simples, percebemos a importãncia de uma boa alimentação.


Uma boa alimentação é fácil quando estamos com equilíbrio(sem interferências dos micro organismos), pois teremos vontade de comer o que nosso corpo pede para seu equilíbrio. Falta vitamina C teremos vontade de alimentos que contém a vitamina C.
 
Así pues, éstas deben recibir agua, carbohidratos, grasas, proteínas, minerales y vitaminas, através de una nutrición óptima.
 
NUTRICIÓN ÓPTIMA
Un aspecto muy importante de la nutrición ortomolecular es respetar la individual bioquímica. Cada persona nace con una bioquímica determinada, la cual puede predisponerle al desarrollo de ciertas enfermedades o síntomas. Es por esto que no todo el mundo se beneficia de la dieta típica recomendada basada en ensaladas, frutas y agua fresca; algunas personas, por el contrario, se sienten mejor comiendo comida cocinada y bebiendo líquidos calientes.

Por ejemplo, una persona con candidiasis crónica se puede sentir peor al comer fruta; la que sufre de bajones de azúcar no suele tolerar bien la comida fría, como las ensaladas.

Veja como uma candidíase interfere no modo de se alimentar. Muitas pessoas acreditam que a candidíase só acontece na vagina. Vale pesquisar…a candidíase crônica é muito mais comum do que pensamos e leva a inúmeros tipos de patologia.

 No livro do McKenna (ver tópico livros) ele coloca de forma simples sobre a Candida Albicans e sua relação com inúmeras doenças. Vale Ver.
 
un intestino irritable puede empeorar al consumir granos… Así pues, para conseguir una salud óptima es vital descubrir las necesidades individuales del organismo. Debido a esta individualidad bioquímica, es prácticamente imposible diseñar una dieta estándar saludable para todo el mundo, en general. 

 Vamos pensar melhor sobre isso ? Poxa, por que o intestino irritado?

Uma simples azia, pode virar uma úlcera que pode virar um tumor …e aí fica mais difícil de tratar. Perceba como o corpo fala!!! Poxa, uma azia é uma azia…ele está avisando…

Sin embargo, sí se puede hablar de unos alimentos base para ayudar a mantener sano el organismo, los cuáles sirven de "cimiento" para construir un programa de nutrición ortomolecular a medida.

ALCALINIZE!! Tudo que os vírus, bactérias e demais micro organismos não gostam!

 Não existe doença se não tivermos micro organismos no nosso corpo.

VEGETALES – Esta sustancia tiene, prácticamente, la misma composición molecular que la sangre humana, con la diferencia de que la clorofila se compone de moléculas de magnesio (las cuáles le dan su característico color verde), mientras que la sangre contiene moléculas de hierro (las cuáles le proporcionan su color rojo).

La clorofila, además, elimina bacteria y depósitos de toxinas, reduce inflamaciones, activa enzimas y aumenta la flora intestinal "buena".
Es importante comer un mínimo de 5 vegetales al día. Escoge siempre los de temporada.

 Por que? 
Porque o Universo também é perfeito ! É só observarmos em que época do ano temos naturalmente as fontes de vitamina C, por exemplo.
 
Tratemos as causas. Exterminemos as candidíases, os parasitas, os fungos …. Atentemos a uma boa água (com pH acima de 7), façamos o tratamento direitinho pois afinal ele pode ser feito por quem não está ainda com doenças crônicas. Ele previne … pois uma saidinha para almoçar fora … aquela salada do restaurante ? Da onde vem o que comemos? Quanta reportagem sobre !!!
 

As frutas frescas, os legumes e as hortaliças (principalmente os orgânicos)  por seu elevado teor de sais minerais, vitalidade, água e fibras – são exatamente os alimentos mais alcalinizantes à nossa disposição. 

Entretanto, o limão é incomparável. Seu potencial de alcalinizar o sangue humano acontece imediatamente após sua ingestão. Interessante que ele apresenta um sabor ácido, mas não se engane, ele mal alcança o estômago e já está afetando os líquidos corporais, combinando-se com os minerais alcalinizantes. Pois é, esta frutinha tão barata, comum e discreta tem o poder de mudar radicalmente a nossa vida: no físico, emocional, mental e espiritual. Como? Alcalinizando o nosso sangue.

O ácido cítrico do limão, transformado no organismo em citrato de sódio (sal alcalino), carbonatos e bicarbonatos alcalinos, causa imediata alcalinização do meio humoral, neutralizando ou amenizando estados indesejados de acidez. E mais, estes sais alcalinos são considerados os melhores remédios contra o excesso da viscosidade sanguínea, oferecendo prevenção contra acidentes cardiovasculares.

Em paralelo, o limão, com todos os seus demais componentes, fortalece o sistema imunológico, retarda o envelhecimento precoce, bloqueia radicais livres, oferecendo assim proteção contra o câncer e demais doenças.

VEJA A IMPORTÂNCIA DE SE TRATAR

 
ALCALINIZANTES – consumir preferencialmente
sal marinho – colocar no forno por 5 minutos para acabar com os fungos. -água mineral – chás de ervas – molho de soja – stevia – limão – goiaba melão – lima – manga – papaya – nectarina – tangerina – bananas lentilha – brócolis – inhame – batata doce – óleo de oliva – endívia – aspargos – alho
ALHO Vegetal cuja raiz contém vitaminas A, B e C e minerais (Cálcio, fósforo, ferro, iodo e selênio).
Para sua saúde: anti-séptico e digestivo.

maçã –SUA CASCA FAVORECE A DIURESE o que significa colocar fora o ácido úrico, sua polpa é indicada por fixar o cálcio no organismo, é tb poderoso depurativo para o fígado tem vit B1, B2, C , potássio, sódio, silício, cobalto e óxido férrico

pera – kiwi – tâmara – figo – uva – uva passa – sementes de abóbora – óleo hidrogenado – óleo de fígado de bacalhau – amêndoas – castanhas – castanha portuguesa - abacate – arroz selvagem – alface – mel- banana – laranja – pêssego – óleo de canola – painço – coco verde,
 alface, abóbora, salsa, tubérculos em geral, leite de cabra

MELANCIA:Ela fortalece o corpo, que se torna menos sujeito a hérnias.
É a fruta mais diurética que existe.
Limpa os canais urogenitais, os rins e a bexiga, contribuindo para a saúde da próstata. Sua fibra estimula o funcionamento intestinal.
É o melhor refrigerante que existe para um dia de calor.
OBSERVAÇÃO:
Utilizar o suco de melancia para limpar os rins e intestinos, para funcionar utilize o suco ao invés de comer a fruta,
não coma nada junto com o suco – o objetivo é limpar os rins e intestinos.
 
ACIDIFICANTES - diminuir o consumo
sal de cozinha – açúcar refinado – cerveja – refrigerante – café – sacarina – aspartame – óleo de milho – carnes e peixes em geral – queijos – feijões – manteiga – iogurte – arroz branco – gordura hidrogenada – leite homogeneizado – centeio – frituras – remédios – farinhas em geral – ovos
fonte:
www.preventdisease.com
 
 Alimentos Neutralizadores
Pão integral – Massa integral – Batata – Batata Doce – Milho – Trigo – Cevada – Berinjela – Côco – Avelã – Amêndoa – Castanha – Arroz integral.

Alimentos Altamente Neutralizadores
Couve-flor – Melão – Melancia – Laranja – Limão – Figo – Morango – Uva – Banana – Maçã – Rabanete – Alcachofra – Beterraba – Pêra – Saladas.

Alimentos Curativos
Dente-de-leão – Pimentão vermelho – Cebola tenra – Agrião – Aipo Alho porro – Romã – Tomate.



Fontes:
http://www.diagnosticosdaamerica.com.br/exames/urina_elementos_anormais.shtml
http://www.notapositiva.com/trab_estudantes/trab_estudantes/fisico_quimica/fisico_quimica_trabalhos/ph.htm http://www.alunosonline.com.br/quimica/o-que-e-o-ph/
http://www.maristas.org.br/colegios/sfranc/pags/feira_ciencias/2005/projetos/a_importancia_do_ph_na_agua_para_o_uso_do_homem.pdf http://www.nutrivea-po.com/ph_do_corpo.htm
http://www.lincx.com.br/lincx/saude_a_z/por_vida_saudavel/ph_corpo.asp
http://www.articleset.com/Saude_articles_pt_Importancia-do-pH-da-sua-pele.htm
http://br.answers.yahoo.com/question/index?qid=20071130075955AAotlRu&show=7
http://br.geocities.com/ggompa/saude/pH/Equilibrio_AcidoxAlcalino.html
http://pwp.netcabo.pt/big-bang/vidanatural/abc-2.htm
http://br.geocities.com/ggompa/saude/pH/Equilibrio_AcidoxAlcalino.html

Legalmente é obrigatória essa declaração abaixo:

As informações, sugestões e idéias apresentadas neste documento são apenas para informação e não devem ser interpretadas como conselhos médicos, diagnóstico de doenças, ou para efeitos de prescrição. Os leitores devem consultar seu médico antes de iniciar qualquer programa de tratamento alternativo. As informações contidas neste documento não devem ser usadas para substituir os serviços ou as instruções de um médico ou profissional de saúde qualificado.
Este produto não é destinado a diagnosticar, tratar, curar ou prevenir qualquer doença, dor, ferimentos, deformidade ou condição física ou mental. Consulte sempre seu médico.